Blog

Coisas simples que fazem um bom atendimento...

Aprendi na prática, como prestador de serviços e cliente, que são coisas simples que fazem um bom atendimento. E são estas, também, que podem comprometer um bom relacionamento comercial. Empresas que prestam serviços como bancos, companhias de cartão de crédito, empresas de TV a cabo ou telefonia, em algum momento do relacionamento nos frustram ou nos irritam.

Qualquer um que use serviços (ou seja, todos nós) sabe o que não quer. Então, por que parece ser tão difícil acertar na prática? A resposta é simples; é muito mais difícil fazer do que falar. Eu poderia listar uma série de mandamentos do bom serviço, o que não funcionaria por dois motivos: primeiro, varia de acordo com o tipo de serviço que se presta e o perfil do cliente; e segundo, os princípios apenas não resolvem – (o diabo está em colocá-los em prática!).

Leia Mais...

Sobre a Eurosense...

O congresso trouxe muitos trabalhos - 66 apresentações, 4 workshops e cerca de 200 pôsteres. Selecionamos aqueles que nos pareceram mais interessantes para nossa área de atuação e para os interesses dos nossos clientes e, para este blog, fizemos um pequeno resumo dessas tendências.

A neurociência já vem sendo discutida há tempos, e por nós aplicada há alguns anos. Neste congresso, os trabalhos mais interessantes falaram sobre associação implícita. O que eles mostram é que, para a associação de atributos emocionais a produtos, o uso de AI proporciona maior discriminação entre produtos, ao menos no que diz respeito ao seu perfil emocional, se comparada a métodos explícitos de associação.

Leia Mais...

Efeito da Marca na Percepção dos Consumidores sobre Qualidade de Produtos

Ainda que objetivamente tenha desempenho sensorial muito melhor que a Marca 3 e que a Marca 2, a Marca 1 é percebida de maneira similar ou até inferior a essas duas marcas no teste branded com consumidores.

Em uma avaliação com marca, o fato serem conhecidas e de maior reputação em relação à Marca 1, acaba favorecendo as Marcas 3 e 2 e as ajuda a superarem a superioridade técnica que a Marca 1 tem em relação a elas.

Neste tipo de avaliação, como já sabemos e neste trabalho confirmamos, a marca exerce influência sensível sobre a percepção de qualidade do produto.

Leia Mais...

Como transformar as necessidades de seus clientes em soluções?

O substantivo atendimento deriva do verbo atender, que pode ser definido simplesmente como o ato de “dar atenção” (a uma solicitação, por exemplo), “ouvir” ou “responder” (a um chamado), ou ainda “escutar atentamente” (um pedido), “resolver” (uma solução) ou “servir” (uma pessoa).

No entanto, no mundo da pesquisa, pautado por relações interempresariais e interpessoais e que têm normalmente em sua origem uma pergunta de negócio cuja resposta, acredita-se, virá com ajuda do consumidor, o significado da palavra “atender” vai muito além do que simplesmente “ouvir”, ou até mesmo do que suas definições mais elaboradas.

Leia Mais...

PESQUISA MONITOR - o Impacto da Copa do Mundo e das Eleições no Consumo

O Brasil vive, sem dúvida, uma de suas maiores crises políticas e econômicas. Inevitavelmente, o índice de brasileiros insatisfeitos com a situação do País é reflexo da instabilidade.

Para ter um panorama sobre a satisfação e as expectativas da população em relação a 2018 e como Copa do Mundo e eleições podem impactar no comportamento de consumo, a Perception, em parceria com a Engaje! Comunicação, realizou a pesquisa Monitor Satisfação. Embora desiludidos com o pleito de outubro, os entrevistados estão positivos com uma melhora da economia e otimistas com o desempenho da seleção brasileira no Mundial da Rússia.

Baixe o e-Book

As Marcas Morreram... #SQN

Ao mesmo tempo em que há uma importante abertura para experimentar novos produtos, o consumidor ainda apresenta clara preferência por marcas e produtos em que possam confiar.

Não faltam artigos e autores apregoando o fim da fidelidade às marcas. Neste nosso mercado 4.0, em que a disrupção é cada vez mais rápida e constante, e no qual praticamente ruíram as barreiras tecnológicas que antes impediam que novos entrantes desenvolvessem produtos com características muito similares aos líderes, a fidelidade do consumidor é continuamente posta em xeque.

Leia Mais...

A importância de garantir dados de qualidade

“Como garantir a qualidade em todo o processo de coleta da pesquisa e confiar nos dados coletados?” Essas perguntas são muito comuns quando estamos em clientes, ou até mesmo quando conversamos com amigos.

Há sim muitas histórias de fraude e manipulação de dados em pesquisa. Mas então, como garantir que isso não ocorra?

É muito importante que essas dúvidas sejam sanadas para que os dados coletados sejam usados com confiança para a estratégia de negócio dos clientes. É de fato, um desafio que merece toda atenção!

Leia Mais

Storytelling... Ou porque uma apresentação com 30 slides pode ser tão completa quanto uma de 100

Storytelling significa a capacidade de criar uma narrativa contando histórias relevantes.

Como pesquisadores, nós trabalhamos para entender por completo a opinião das pessoas: vamos no detalhe e buscamos entender todos os porquês. A curiosidade nos move e nos leva além, e nesse processo, coletamos muita informação.

Essa quantidade de informação coletada gera um grande volume de dados: são várias perguntas, cruzamentos e possibilidades a partir das entrevistas. Esse volume de dados pode ser trabalhado de diversas formas. Abrindo todos os cruzamentos possíveis, todas as quebras, gerando uma enorme apresentação de 100 slides... Mas, será que é esse o melhor caminho?

Leia Mais

PESQUISA MONITOR - Revela que crise e engajamento criam consumidor mais consciente

Ainda que se comente muito sobre o fim da fidelidade às marcas, um posicionamento claro, com arquitetura consistente e reputação solidamente construída ainda fazem a diferença. Este é o principal aprendizado da pesquisa “Monitor – Reputação”, desenvolvida e realizada pelas empresas Perception e Engaje! Comunicação.

O estudo buscou mapear os fatores que norteiam as decisões de compra do brasileiro em diversas categorias de produtos e serviços na atual situação econômica, bem como a importância da imagem e reputação no consumo.

Baixe o e-Book

Uma nova marca, um novo conceito, a mesma confiança e qualidade de sempre!

Em meados de 2017 a Perception, uma empresa referenciada pela sua competência técnica e a flyfrog expoente no mercado em pesquisa de marketing quali e quanti, uniram-se para ofertar ao mercado uma nova proposta de serviços e atendimento customizado.

Nosso desafio foi a construção de uma marca que representasse as duas empresas. Durante o processo utilizamos a nossa expertise em pesquisa para alinhar o conceito que uniria o melhor de Perception e flyfrog.

Leia Mais

Vamos inovar no processo de inovação?

Hoje muito se fala sobre Design Thinking, um conjunto de métodos e processos criado pelo designer americano David Kelley, e que vem sendo cada vez mais utilizado pelas empresas no processo de inovação, em todos os campos de negócios.

É um método prático-criativo de solução de problemas ou questões, que propõe uma nova forma de olhar o problema, pensando “fora da caixa”, de uma maneira mais empática, colaborativa e sempre colocando as pessoas no centro do desenvolvimento, estimulando as equipes a se planejarem de acordo com as necessidades de seus consumidores e clientes.

Leia Mais

Vamos falar de Quali?

A Quali para nós parte de uma postura que enxerga e valoriza a complexidade e riqueza dos indivíduos pesquisados. Isso significa ter sempre em mente que as pessoas são combinações ilimitadas de afetos, paixões, sentimentos e percepções a respeito do mundo e que tudo isso precisa estar contemplado nos nossos planejamentos e na análise que fazemos das informações.

À primeira vista as metodologias Qualitativas podem ser confundidas com uma conversa casual, mas esse “papo informal e pouco estruturado” requer especialização para observar, perguntar e ouvir de forma precisa. Há método e técnica nisso.

Leia Mais

A neurociência e avaliação sensorial: Um casamento que deu certo!

Nossos sentidos (tato, olfato, audição, visão, paladar) despertam emoções; estas ativam memórias, que por sua vez orientam comportamentos.

Como mensurar uma reação subjetiva a estímulos sensoriais, estabelecendo uma métrica que possa ser aplicada a diferentes pessoas?

Vamos pensar na seguinte experiência: Apresentamos uma fragrância a 2 pessoas. Indivíduo A e indivíduo B. E perguntamos a eles: Qual nota você daria para tal fragrância? Os dois indivíduos respondem nota 10.

Leia Mais